Lojas Americanas Celulares

Adivinha qual é? Nova categoria de jogos móveis vem transformando a indústria gamer

Mercado Livre 12 Ago 2017



A indústria de jogos movimenta bilhões de dólares por ano, e não podemos negar que os títulos de smartphones e tablets são responsáveis por uma boa parte desses lucros. De acordo com uma publicação recente do Newzoo, estamos falando de US$100 bilhões anuais levantados por essa indústria, com os portáteis gerando impressionantes US$46.1 bilhões (ou seja, quase a metade), dinheiro embolsado por desenvolvedores e empresas responsáveis pela criação dos títulos. Desempenho em jogos costuma ser uma das coisas que muitos usuários levam em consideração quando optando por um novo smartphone — inclusive, temos algumas dicas no nosso Guia de Melhores smartphones para Jogos — por isso é tão importante que as desenvolvedoras se esforcem em entregar uma experiência in-game de qualidade.

A variedade de jogos na Google Play Store é tão grande que existem nada mais nada menos do que 17 subcategorias diferentes para os mais diversos tipos de games. Apesar de tantas opções, os títulos mobile geralmente são classificados em duas categorias: os que não precisam de muito poder de processamento gráfico (geralmente em 2D) e os que utilizam intensamente a GPU (grande parte em 3D). Com a alta demanda por jogos cada vez mais elaborados, uma nova categoria está prestes a surgir; trata-se dos jogos de alta fidelidade (com gráficos intensos), algo que chegará pra mudar completamente a indústria de games móveis como conhecemos.

Nesse novo nicho de jogos também encontraremos uma grande variedade de títulos, incluindo games fps (first person shooter), corrida, MMO (Massively Multiplayer Online) e até mesmo MOBAS (Multiplayer Online Battle Arenas). Mas não pense que ter gráficos bonitos basta; para ser considerado um jogo de 'alta fidelidade', é necessário que o título traga alguns elementos específicos. Estamos falando de gráficos 3D avançados com alta contagem de vértices, vértices complexos e fragmentos de sombreado, jogabilidade sofisticada incluindo inteligência artificial, e também o fato do título conseguir lidar com as limitações de memória e manter ao mesmo tempo o bom desempenho e controle de consumo de bateria. Vale lembrar que quando levamos em consideração a ramificação no mercado de smartphones Android, com diversos tipos de processadores, arquiteturas, e até mesmo distintas versões de sistema, o desafio de otimizar um jogo fica ainda mais difícil. Como grande parte das marcas (pelo menos 50%) opta por chips ARM com GPU Mali (Samsung Exynos e MediaTek Helio, Huawei Kirin), naturalmente, boa parte dos jogos são otimizados para eles.

Título como CSR Racing 2, Madden NFL, Need for Speed No Limits e Real Racing 3 e World of Tanks Blitz são bastante populares aqui no ocidente, abocanhando entre 5 e 10% d do lucro total do mercado. Em termos de perspectiva, na América do Norte 45 dos top 200 jogos Android mais baixados são games de alta fidelidade; na Europa o número é um pouco maior, sendo 60 títulos dessa categoria entre o 200 mais populares. Mas é na China que jogos desse tipo tem seu maior público; estamos falando de algo que gera 40% da renda obtida na indústria mobile gaming — dos 200 títulos mais populares por lá, 134 são jogos graficamente intensos. É claro que os bons e velhos jogos 2D vão continuar tendo um lugar especial no coração de muitos gamers, mas à medida que a tecnologia móvel avança e os limites vão sendo quebrados, novas experiências são introduzidas, elevando ainda mais os padrões e expectativas do público.

Celulares BR © Copyright 2017 - 2017, Todos os direitos reservados